Palhaceata

O chamado da Palhaça

Idealizado pelo Grupo Bastet (GO), o festival Na Ponta do Nariz trabalha em função da criação de uma rede produtiva para circulação de espetáculos e intercâmbio de conhecimento, culturas e pessoas de todo o mundo. O palhaço é o nosso veículo.

O palhaço propõe um olhar diferente sobre as coisas do mundo. Uma palhaça então… traz sutileza e sensibilidade para esta visão, com manifestação indescritível de força
transformadora. A revolução é feminina. A Terra é mãe.

Para reafirmar o protagonismo das mulheres e para colaborar para que elas ocupem este espaço de direito e de fato, a sexta edição do festival Na Ponta do Nariz, dedica-se à visibilidade das artistas circenses.

A primeira ação de afirmação será a Palhaceata, no dia 15 de setembro, com concentração na Praça Cívica, a partir das 16 horas. Em seguida, o cortejo segue rumo à Praça Universitária, onde se inicia a programação de espetáculo, com o Grupo Lahetô (GO).

A Palhaceata, desde sua primeira edição, busca temáticas que resultem no empoderamento da sociedade. É o nosso desejo dar voz a causas relevantes, haja visto que, diariamente, somos pressionados a nos envolver com o que é urgente e não, necessariamente, com o que é
importante. Para isso, a Palhaceata cumpre a função de parada. Tempo de reflexão, experimentação de sentidos e definição de novos rumos possíveis.

#vem

15 de setembro, às 17h

16h - Concentração na Praça Cívica
17h - Saída do cortejo pela ciclovia da Av. Universitária até a Praça Universitária